Notícias

09/11/2020

Alunos do Colégio Cenecista Dr. José Ferreira se classificam para a 1º etapa Nacional da Olimpíada Brasileira de Robótica Virtual

O universo científico-tecnológico ganha cada vez mais espaço, formando e estimulando o aprendizado de crianças e jovens

Quatro alunos do Colégio Cenecista Dr. José Ferreira que fazem parte do curso de Programação e Robótica da instituição participarão da 1º etapa Nacional da Olimpíada Brasileira de Robótica Virtual (OBR), que acontece na quarta-feira (11). Os estudantes Núbia Silva (7º ano), Italo Ferreira (5º ano), Luiz Antônio Perrella (4º ano) e Luiz Miguel Perrella (8º ano) integram o grupo que se classificou dentre 100 equipes nacionais. Na etapa estadual realizada no dia 19 de outubro, eles se classificaram em 2º lugar, com uma pontuação que os colocaram entre as 12 melhores equipes em todo Brasil. A participação dos alunos na OBR será transmitida pelo Youtube, às 9h.
A equipe segue confiante para a competição. Caso sejam classificados, os alunos estarão na grande final nacional na sexta-feira (13).


Sobre o Curso de Robótica

O curso Robótica Educacional tem como objetivo aprimorar o meio consciente e o aprendizado lógico, o que auxilia também nas disciplinas escolares, pois desenvolve no aluno as habilidades de rápida adaptação à mudança, resolução de problemas, criatividade e trabalho em equipe.

O foco do curso está no desenvolvimento de habilidades não só cognitivas, mas também no contexto “maker”, que significa realmente fazer e botar a mão na massa por meio da eletrônica e da programação.

Quem nunca pensou em ter um robô para executar tarefas diárias, simular efeitos especiais, criar games e músicas? Com a robótica você cria, inova e projeta!

O curso de Programação e Robótica do Colégio Cenecista Dr. José Ferreira utiliza a linguagem Arduino, que pode ser comparada similarmente a uma placa mãe, para a qual as informações armazenadas em um computador são transportadas e gravadas. O curso volta a ser oferecido na modalidade presencial a partir do ano que vem, já que, em 2020, devido à pandemia, teve sua capacitação via plataforma on-line.